domingo, 20 de julho de 2014

Notícias!





“Acredito que a expansão da Consciência de Krishna se manifestará simultaneamente quando as pessoas virem que os devotos são aliados da luta pelo bem-estar do Planeta, junto com todas elas.”





            Meus queridos devotos, mando meu afeto da Alemanha. Esta é uma pequena mensagem para o Chat Dominical da Europa, tenho notícias muito lindas para compartilhar com todos vocês.
            Faz dois anos que escutei pela primeira vez a produção musical de Nrsimha prabhu chamada: “Abre Serra, renasce Bakata.” Nesse momento fiquei fascinado com a música da Serra Nevada da Colômbia, com os cantos dos Mamos (os sacerdotes da Serra) e o exemplo inspirador de líderes como Ati Quigua. Pouco depois disto conheci pessoalmente a Ati e desenvolvemos uma conexão com todo o projeto que eles estavam desenvolvendo. Logo, viajamos com um grupo de devotos ao Brasil a participar do encontro Rio+20 onde formamos um grupo ativista que pregava sobre a proteção à Mãe Natureza e aos animais. Lá se fundou oficialmente o Pacto Mundial Consciente com Vandana Shiva e outras organizações e ativistas.
            Em todo este trabalho, tanto eu como os vaishnavas participantes nos mantivemos sob o perfil, mas apoiando todas as iniciativas, isto porque se as pessoas sentissem uma liderança muito forte dos devotos poderiam dar menos importância à mensagem. Consciência e participação de todo mundo era a mensagem principal.
            De volta à Colômbia recebi o convite de Mamo Lwntana para participar na fundação de Ikwashendwna, o Pacto dos Guardiões da Natureza. Oferecemos apoio ao Mamo Lwntana e ele declarou que Ikwashendwna e o Pacto Mundial Consciente eram a mesma coisa. Assim, o apresentamos como Pacto Mundial Consciente – Ikwashendwna. Em seguida, Mamo Lwntana definiu que os Guardiões da Natureza seriam conhecidos como “Naturagentes” e a partir disso, surgiu a ideia do Chaski-fest como um organismo de promoção do Pacto Mundial Consciente.
            Na fundação do Pacto Mundial Consciente – Ikwashendwna participaram os líderes musicais muito conhecidos na América do Sul e no mundo: Hector Buitrago (Aterciopelados) e David Jaramillo – Nrsimha Das (Doutor Krapula), além de outros amigos, músicos guardiões e ativistas pela Mãe Terra. Depois da fundação do Pacto Mundial Consciente – Ikwashendwna, recebi o convite de outro Mamo, Antonino, para criar um esforço comum de educação chamado Universidade da Sabedoria Ancestral (UDSA) cujo propósito principal é se tornar uma fonte de conhecimento para os irmãos nativos sobre a realidade da modernização, seu impacto e perigos. Para este propósito, tive também a grande fortuna de receber em mão do venerável educador mexicano Eduardo del Rio (Rius) a colaboração de todas suas mensagens conscientes para difundi-las e serem utilizadas por quem queira se beneficiar por elas.
            Simultaneamente pudemos conectar a lei originária dos povos ancestrais andinos conhecidos como “Ley Se”, com os princípios universais praticados pelos habitantes dos Himalayas no Oriente. Esta amizade entre os grupos vaishnavas e as tribos originárias no mundo, entre a doutora Vandana Shiva e a líder Ati Quigua marcou o início e iluminou um novo compromisso de trabalho que coincidiu com o lançamento de produções musicais de grande impacto na América do Sul: “Vozes da Patagônia” no Chile e “Ama-zonas” por David Jaramillo e o Coletivo Jaguar na Colômbia.
            Nestes dias estive falando com David Jaramillo – Nrsimha Das, sobre a necessidade de reviver a campanha de “Abre Serra, renasce Bakata” de forma sólida. Lá ele entregou completamente ao nosso cargo a promoção desta campanha para utilizá-la em conexão com o Pacto Mundial Consciente e com a Sabedoria Ancestral dos nossos guardiões. Deu-me muita alegria saber disso e essa é a notícia que queria compartilhar, porque esta linda produção não foi ainda suficientemente promovida a nível universal e ainda é desconhecida. Claro, tem que considerar sempre que estas três grandes produções das quais falei hoje: “Abre Serra, renasce Bakata”, “Vozes da Patagônia” e “Ama-zonas” (http://news.spoonrevolution.com/es/arte/ama-zonas-dr-krapula/) são totalmente doadas por seus autores e é do interesse de todos trabalhar para que a máxima quantidade de pessoas no planeta obtenha esta música e possa se entusiasmar e beneficiar com ela. Assim, mais pessoas serão conscientes do que acontece e poderão se unir nesta campanha.
            Assim como os Andes, os Himalayas foram ameaçados por centenas de represas e devem ser protegidos, pois a água para que milhões de pessoas sobrevivam está em perigo. Desta forma, esta luta é de grande importância para o Planeta e eu me sinto muito feliz de que possamos ser parte dela. Um ponto importante desta luta foi a campanha iniciada na Colômbia por Ati Quigua para reconhecer os direitos da Mãe Terra e dar o benefício de ser considerada uma pessoa jurídica e poder ser protegida legalmente da exploração.
            Esta campanha de Ati foi tomada na Europa por outra ativista que Krishna pôs no nosso caminho, seu nome é Mimta Ito, ela está trabalhando fortemente na preparação desta proposta frente ao Parlamento Europeu, ela convidou ao Pacto Mundial Consciente – Ikwashendwna a ser parte desta campanha. Assim, o chamado dos Andes para proteger à Mãe Natureza pode chegar a todos os cantos do mundo. Podemos apresentar esta campanha junto com outros esforços e serviços que faz o Pacto Mundial Consciente e a Universidade da Sabedoria Ancestral, melhor dizendo, está se formando uma linda aliança de amizade da qual podemos formar parte e nos tornarmos representantes. Dessa maneira, seremos participantes de todas as lutas que se realizam ao redor do Planeta pela proteção da Mãe Terra.
            Os vaishnavas se apresentam em toda esta dinâmica mediante a distribuição de prasada. Vaishnavas se notam na cozinha, porque o amor começa no estômago e se distribuirmos prasada às pessoas, então seus corações se encherão de amor e melhorarão sua consciência.
Por favor, queridos devotos, considerem que tudo o que acabo de contar são arranjos do próprio Senhor Krishna, eu nunca imaginei que todas estas conexões e fatos aconteceriam. Através do programa Chaski-fest podemos chegar a milhões de pessoas com a distribuição de prasada, convidando-as a cantarem os Santos Nomes do Senhor e aprenderem mais sobre a cultura vaishnava.
            Pessoalmente, acredito que a expansão da Consciência de Krishna se manifestará simultaneamente quando as pessoas virem que os devotos são aliados da luta pelo bem-estar do Planeta, junto com todas elas. Por isso, uma das tarefas que atenderemos nesse tempo será um novo desenho e promoção do disco de “Abre Serra, renasce Bhakata” para distribui-lo em todos os festivais culturais e inclusive no sankirtan. Também devemos começar a lançar o Pacto Mundial Consciente – Ikwashendwna. Temos o apoio de David Jaramillo e o Coletivo Jaguar (Nrsimha prabhu) quem seguramente serão premiados rapidamente por sua excelente produção.
            Trabalharemos de vários lugares para cumprir com estas tarefas. Junto a Aradhya prabhu trabalharemos em um filme profissional que nos permitirá difundir tudo isso de forma muito séria.
Isso que queria compartilhar em relação ao serviço que estamos fazendo no Pacto Mundial Consciente. Por outro lado, quero contar que me sinto muito satisfeito pelo maravilhoso auge que tem a distribuição de livros, graças ao grupo de sankirtan liderado por Thakur prabhu. Acredito que no futuro fluirá muito mais energia neste campo, especialmente na distribuição de materiais didáticos, como o novo curso de Yoga Inbound por correspondência.
            Meus queridos, não devemos esquecer o principal de tudo: somos uma comunidade vaishnava que está buscando ganhar o coração e a amizade das pessoas para servi-las melhor e mostrar o conhecimento transcendental. Nossa presença na América do Sul com as Eco Yoga Aldeias é de máxima importância, pois a pregação aos voluntários que nos visitam é realmente de grande impacto, é algo que acaba de começar e terá muitos bons resultados. Também nossa presença na Índia e a participação em festivais como o Kumbha Mela tem sido muito importante.
Espero que possamos nos tornar instrumentos do amor de Krishna e de Srila Prabhupada. Srila Prabhupada que foi um grande defensor da Mãe Terra nos dê suas bênçãos, que sua glória e a do Senhor Caitanya, quem nos disse que o Senhor tem milhares de nomes para invocar Sua misericordiosa presença, se difunda desta forma. Pelo menos assim experimentamos no dia da fundação de Ikwashendwna ao cantar toda noite com os aruhacos, koguis e outros, os diferentes Nomes de Deus e dançarmos sem parar até a meia-noite sentindo que uma bênção está chegando a nós.
Eu não imaginei que o cântico do Kumbha Mela de Ganga Mai circularia no planeta. A Serra Nevada da Colômbia chamada Coração da Terra está efetivamente se tornando famosa em toda Terra.
Terminamos o Chat de hoje. Lembrem que é dizendo, fazendo e pronto.

Seu sempre bem-querente,
Swami B. A. Paramadvaiti.

Nenhum comentário:

Postar um comentário